segunda-feira, 20 de setembro de 2010

A falta que Deus me faz.



  
O único jeito de rezar é cantar. E a única coisa que me eleva a Deus é a arte. Então, eu ando, por esses dias, meio atéia.


(Eu)


Sem mais palavras.
Preciso de traços.
De melodias.
De cordas novas pro meu violão.
De lágrimas de onde jorrem canções.


Preciso rezar.

2 comentários:

  1. Olá. Re-publiquei um texto seu no meu blog, quando puder, olhe lá! Bjus

    ResponderExcluir
  2. Fala Melissa! Quando puder, passa la no meu blog tb :D

    ResponderExcluir